sexta-feira, 28 de setembro de 2007

Plaxo 3.0 - Uma super agenda, grátis!

Plaxo lançou a versão 3.0 do seu serviço de sincronização que permite agora mais pontos de sincronização simultâneos. Com esta versão pode ter os seus contactos, calendários e notas sincronizados com o Outlook, Outlook Express, Mac OS X, Yahoo!, Google, MSN Hotmail/Windows Live, AOL/AIM, LinkedIn, Windows Mail e Telemóvel. Compartilhar fotos do Picasa e Flickr, vídeos do You Tube, blogs, notícias, qualquer coisa em sites como Digg e MySpace. Isso significa que pode usar qualquer serviço e ter a certeza que as suas informações estão actualizadas. Para além do serviço de sincronização, Plaxo é também um centro de partilha de dados pessoais. Pode configura-lo de forma a permitir a quem o desejar ter acesso aos seus dados, bem como pedir dados a contactos que também tenham subscrito o serviço e assim criar pontos de actualização de fichas de contacto.

Mas o melhor do Plaxo é algo que ele faz há mais tempo - É a sincronização de contatos de agendas. Hoje em dia as pessoas espalham contatos por toda parte – Yahoo! Mail, Gmail, MSN, Outlook e por aí afora. O Plaxo recolhe os dados espalhados, sincroniza tudo e põe em sua própria agenda online. Dá para mesclar ou não os contatos. Na hora da agenda, de checar os compromissos de diferentes calendários, o Plaxo também mostra serviço – um excelente serviço. Cada compromisso aparece com indicação de origem e detalhes, e as trombadas e sobreposições saltam aos olhos.

Na versão gratuita, o Plaxo faz tudo isso e mais um pouco. Seu ponto alto é todo o trabalho de sincronização poder ser acessado a qualquer hora, em qualquer lugar, através dos celulares. Há também uma versão paga, que faz backup dos dados, elimina repetições nos contatos (mais ou menos) e sincroniza com o LinkedIN. Custa 49 dólares. Na opinião, não compensa. O serviço básico já está bom demais.

O Plaxo 3.0 beta está disponível em :

Para configurar a interface em português, basta clicar no link "Configurações/Settings" no aplicativo Web.

Marcadores:

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial